Entrevista: ARNALDO BAPTISTA (Janeiro de 2005)

Em 2005 fui pra Porto Alegre para ver o Arnaldo Baptista. Ele estava fora da mídia e fazia poucas aparições públicas. No anuncio do show dizia que ele estaria no evento, o que ele iria fazer não importava muito. A verdade é que o público foi muito nessa onda. O show foi aconteceu e durou cerca de dez, doze minutos. A resposta do público foi algo que até hoje esta gravado na minha memória. Algo que eu nunca vi acontecer com artista algum. Parecia que o público estava diante de uma divindade. Quem conhece música, sabe da importância musical do Arnaldo até entende esse tipo de reação. Depois disso várias coisas começaram acontecer em torno dele: Saiu o filme (Lóki), os Mutantes fizeram um volta triunfal com direito a gravação de cd ao vivo e turnê internacional, e nacional em que pude conferir duas apresentações sensacionais (Curitiba e Porto Alegre). E agora o Arnaldo está com essa nova faceta intitulado: Sarau o Benedito. Nessa proposta ele tem feito diversas apresentações num tom mais intimista, onde ele toca piano e canta.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Os próximos dois shows acontecem em São Paulo no SESC Pompéia nos próximo fim de semana, dia 15 e 16.

Mais informações aqui:

http://www.arnaldobaptista.com.br/

http://www.sescsp.org.br/sesc/programa_new/mostra_detalhe.cfm?programacao_id=232876

Voltando ao ano de 2005. Na época tive o prazer de realizar uma espécie de entrevista com o Arnaldo. Num passeio descontraído pela Rua da Praia em Porto Alegre batemos um papo descontraído.  Aproveito a deixa e disponibilizo  a entrevista aqui.

Roberto Panarotto entrevista Arnaldo Baptista e Lucinha.

arnaldo baptista - rua da praia - Poa - 2005

Roberto Panarotto – Como é que tu sentiu a reação do público ontem no show?

Arnaldo Baptista – Eu fiquei assustado, porque eu não tenho muita experiência com o público aqui no Sul, né. Eu achei o público muito efusivo, ele se retrai muito, mas, na hora, exteriorizam. Num sentido assim generalizado, comparam o Rio de Janeiro com a Califórnia, São Paulo com Londres e Nova York e aqui comparam com a Escócia. O pessoal aqui já tem uma tradição e eu acho muito bonito.

Lucinha – Eu nunca tinha visto uma reação assim. Me lembrou um pouco Belo Horizonte.

Roberto Panarotto – A gente que acompanha a carreira e observa de longe muitas vezes não consegue ter uma real noção do que acontece…

Arnaldo – Ah, isso é verdade. O grau de efusividade no show foi grande e ver o cara aplaudindo e ver que o cara gosta de verdade. É difícil de colocar isso em pratos limpos.

Roberto Panarotto – Como é que foi pra ti estar lançando um disco novamente depois de tanto tempo?

Arnaldo Baptista – Pra mim foi uma espécie de recomeço da minha carreira, colocando o disco em banca de jornal e com um preço acessível. Então, eu estou tentando entrar nessa alternativa pra fugir da loja de disco com o preço caríssimo. Esse é um momento em que eu estou explorando isso do disco ser vendido em banca e barato.

Roberto Panarotto – Como é que foi a divulgação desse disco?

Arnaldo Baptista – Eu estou fazendo bastante coisa. Então, eu estou vendo um jeito de promover esse trabalho. E fazer o melhor que eu posso, né. As entrevistas em televisão tem que ser com pessoas que curtam o suficiente para entender e entrevistar sobre o trabalho.

Roberto Panarotto – E como tem sido a aceitação do público?

Arnaldo Baptista – Eu estava ansioso para ser julgado. Não adianta eu ficar falando que é assim que é assado, que eu prefiro Fender do que Gibson, se o pessoal não gosta daquilo que eu faço. Então tudo o que eu falo eu consegui botar em forma de música. Eu tenho a impressão que todo mundo tem uma música que está guardada dentro de si, e eu espero encontrar essa música e tocar. Vamos ver até onde eu alcanço.

Matéria completa aqui:

http://www.senhorf.com.br/agencia/main.jsp?codTexto=35

Anúncios

0 Responses to “Entrevista: ARNALDO BAPTISTA (Janeiro de 2005)”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s





%d blogueiros gostam disto: