Arquivo para outubro \16\UTC 2012

Repolho X Tyto Livi – Grupo Nozes X Epopéia.

No último sábado (dia 13 de outubro) estivemos reunidos no estúdio do Gêre (guitarrista da banda Encruzilhada) com o mestre Tyto Livi para participar de um projeto no mínimo curioso e no máximo inusitado.

A proposta veio do acadêmico de jornalismo Augusto Zeizer que resolveu investigar o rock que se fazia na década de 70 e como ele, de uma forma ou outra, acabou influenciando algumas bandas da década de 90. Reuniu então, o Epopéia em torno do Grupo Nozes (Billy Ficagna) que em 1978 lançou o compacto duplo intitulado “Grupo Nozes” (baixe o compacto aqui: ?otn4ozqwg2t). Na sexta feira eles foram para Ponte Serrada onde reside e fica o estúdio do Gilmar Guerreiro (outro representante dessa geração anos 80 do rock oestino), e registraram três músicas.

Aqui em Chapecó fizemos o mesmo reunindo o Repolho e o Tyto Livi que em 1977 lançou o compacto duplo intitulado “Memórias de Um Certo Louco”. (Saiba mais aqui: tyto-livi-memorias-de-um-certo-louco)

O Demétrio não pode comparecer para gravação, mas Tyto assumiu a guitarra e vocais. Gravamos as 4 músicas do compacto e mais uma inédita intitulada “a Massa do Pão das Massas”. O resultado final, tem que esperar o projeto ser concluído e o então acadêmico ser aprovado.

Sempre citamos o Tyto Livi como referencia. Num primeiro momento em função do fato dele ter se aventurado num trabalho próprio, numa época que com certeza era muito mais difícil de fazer música independente. E segundo por que com o passar dos anos formos percebendo as semelhanças em termos de proposta musicais. Isso tudo se confirmou ao unirmos tudo no ultimo sábado, nos sentimos muito a vontade e a tarde se transformou num grande encontro onde compartilhamos as alegrias de se fazer música. Aproveitamos o fato de que as gravações em vídeo aconteceram num estúdio e registramos o áudio para posteridade. Não sei como ficou e nem o que vai ser feito com isso. Só sabemos que alguns trechos vão pro documentário. Valeu aí Eduardo pela ideia de juntar essa galera toda.

Blog de demos (demo-tapes-brasil.blogspot.com.br)

Ainda na década de 90 conhecemos através dos saudosos Correios e Telégrafos (alguém ainda lembra pra que serve o telégrafo???) e as sua possibilidade mais baratas de se corresponder com o mundo, diversos fanzineiros e pessoas interessadas nesse meio underground, (que antes da internete era bem underground mesmo). Uma dessas pessoas foi o Edson Luis de Jaraguá do Sul. Em torno dele, uma gurizada ligada em tudo o que acontecia no underground, produzindo evento, gravando demo-tapes, ditribuindo isso tudo, sempre pensado nessa cena alternativa.

Era um tempo bacana, onde as famosas demo-tapes não se encontravam num circuito comercial e eram disputadas a tapa. O Edson que além de vocalista da “The Power of the Bira”, tinha uma loja de discos alternativos (a Abrigo Nuclear), era colecionador dessas demo-tapes e resolveu (num ato de pura insanidade caridosa) disponibilizar para o público de internete essas preciosidades. O blog está aí, acesse e relembre os bons e velhos cassetes ou conheça algumas preciosidades da cena alternativa da década de 80/90.

demo-tapes-brasil.blogspot.com.br

Looper está de volta.

Talvez vocês não tenham ouvido falar do Looper, mas a título de identificação, Stuart David foi o primeiro baixista e co-fundador do Belle And Sebastian. Após sair da banda, montou a Looper (Looper_%28band%29) que lançou três discos solos e alguns singles virtuais. Acesse o site oficial e atualizado da banda para saber mais: www.geometrid.co.uk

Na época a banda ficou mais conhecida do grande público porque a música Mondo ’77, virou trilha sonora do filme Vanilla Sky. Além disso, eles também fizeram parte da trilha de outros filmes mais alternativos como: The Edukators, The Girl Next Door, Out Cold, and Dog Park e também do desenho animado “Mission Hill” no episódio: “Stories of Hope and Forgiveness”. (Mission_Hill)

Pois bem, Stuart estava aparentemente sumido… talvez nem tanto, ou talvez eu não tenha ouvido falar mesmo, mas essa semana recebi um e-mail com uma música nova. Um novo single depois de tanto tempo, intitulado: Oh, Skinny Legs.

Confira o single aqui: ohskinnylegs

O single é o primeiro material de divulgação do disco novo que deve sair em breve e que se chama: Waiting For Trains. Aqui  http://looperama.tumblr.com/  Stuart conta mais sobre o próximo disco e os processos de gravação.

outras informações no Facebook:

looperama

Júpiter Maçã TV no Youtube.

Júpiter lança a sua Apple TV que se chama: JupiterJackTV. Já saíram 2 episódios.

Confira:

Welcome to the Jupiter J.A.C.K. TV!!

Beatnight Session – Little Red Rooster (Willie Dixon) by Jupiter Apple

CLIP NOVOS – Dazantigas, Variantes e Carlota Joaquina.

Fazer videoclipe ficou mais fácil em função da tecnologia, e o legal é que em termos de linguagem, as propostas são muito mais soltas e despretensiosas. Isso possibilita que se pense algo de maneira a fazer com que as divulgações das bandas sejam mais legais e eficientes.

Três bandas chapecoenses se aventuram nesse caminho recentemente. Os Variantes já vinham fazendo isso há um bom tempo em parceria com o Rodrigo Grau (da Sombrero Filmes) e já dirigiu/produziu dois clips para banda. O clip mais recente dos Variantes foi gravado em Porto Alegre com a produção da Lumaluma Motion, Woodoo Oficina Web e BanjoLab.

Variantes: Eu Quero Tudo.

O Dazantigas apostou numa produção chapecoense e através do Maninho que (também é baterista do Epopéia) dirigiu um clip bem legal. Maninho já tinha dirigido antes o clip da banda de RAP, SC na Rima.

Dazantigas – Ainda Vou Pegar Você.

Outra banda chapecoense a fazer videoclip, é a gurizada do Carlota Joaquina. Eles fizeram uma aposta um pouco mais ousada em termos gráficos e de animação e fizeram um parceria com o primeiro período do curso de Produção Audiovisual da Unochapecó. O Resultado vocês conferem abaixo:

Carlota Joaquina – Vida Light